Rio celebra pela primeira vez o Dia das Famílias com Pessoas Desaparecidas

O município do Rio de Janeiro celebra nesta segunda-feira, 09 de maio, pela primeira vez, o Dia da Família com Pessoas Desaparecidas. De autoria do vereador e apresentador da Rádio Melodia, Eliel do Carmo, o projeto que deu origem à Lei de criação desta data tem por objetivo dar maior visibilidade aqueles que sofrem com o desaparecimento de seus entes queridos.

Para marcar a data, Eliel do Carmo (foto) recebeu hoje, no Debate Melodia, a ouvinte Luciene Torres (representante do Instituto Mães Virtuosas do Brasil) e Luiz Oliveira (Gerente do Programa SOS Crianças Desaparecidas da FIA – Fundação para a Infância e a Adolescência) que falaram sobre o tema: “Famílias com Pessoas desaparecidas, você sabe alguma forma de ajudar?”.

“A partir de hoje, oficialmente, no calendário da cidade do Rio de Janeiro, se comemora o Dia das Famílias com Pessoas Desaparecidas. Um sonho antigo meu, e o meu primeiro Projeto de Lei foi exatamente esse. Este sonho começou a ser gerado em meu coração desde que fizemos aqui, na Melodia, o primeiro debate sobre pessoas desaparecidas. Eu passei a querer me envolver mais, ajudar mais”, disse Eliel do Carmo a abertura do Debate.

Ele lembrou que ontem foi mais um Dia das Mães que a ouvinte Luciene Torres passou sem a presença da sua filha, assim como tantas outras mães que sofrem a dor de ter seus filhos desaparecidos.

“A questão dos desaparecidos é coletiva. Não é só das mães. É da sociedade num todo. Portanto, vamos debater aqui sobre ideias e ações concretas porque não é possível mais esperar”, iniciou o representante da FIA.

“A gente precisa ir para as escadarias da Câmara dos Vereadores fazer nossas ações juntamente com essas famílias”, sugeriu Luiz Oliveira.

Luciene, que tem recebido o apoio do Eliel do Carmo desde 2017, agradeceu ao apresentador por ter honrado sua palavra sobre abraçar a causa das famílias de pessoas desaparecidas.

“Foi a realização de um sonho quando você (Eliel) chegou e fez a causa acontecer”, disse Luciene, que informou que na quinta-feira (12), das 09h às 15h, representantes da organização Mães Virtuosas farão um ato nas escadarias da Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro.

Ela declarou que, a partir de agora, todos os anos, famílias de pessoas desaparecidas passarão a se reunir nas escadarias da Câmara do Rio, abraçando a quem tanto precisa e conscientizando a população e os governantes sobre esta causa.

Luciene incentivou às famílias de pessoas desaparecidas a não desistirem.

“Você que nunca fez B.O. (Boletim de Ocorrência), procure uma delegacia. Se achou que a delegacia não atendeu muito bem,  conversa comigo na quinta-feira (12) a partir das 09h até as 15h eu estarei na escadaria da Câmara. Vai conversar com a gente, conhecer a nossa história”, convidou Luciene.

Ela aproveitou para deixar seu número de contato: (21) 97126-1502 (Mães Virtuosas) e agradeceu a oportunidade de estar mais uma vez na Melodia.

“Eu quero agradecer porque, desde a primeira vez que estive aqui, até hoje tenho amigos até de Portugal”, revelou.

O Luiz Oliveira também deixou o contato da FIA, que há 27 anos realiza esse trabalho. O número é o: (21) 98596-5296 (WhatsApp do SOS Crianças Desaparecidas).

Assista AQUI ao vídeo com histórias de pessoas desaparecidas e ideias propostas pelos debatedores em favor da causa das famílias de pessoas desaparecidas.