Michelle Bolsonaro chora e se ajoelha durante culto na Câmara dos Deputados

Ao participar do Culto do Dia das Mães, organizado pela Frente Parlamentar Evangélica na Câmara dos Deputados, na quarta-feira (04), a primeira-dama Michelle Bolsonaro se ajoelhou, chorou e orou para que haja um “avivamento” nos três Poderes (Legislativo, Executivo e Judiciário).

O vídeo foi compartilhado pela página da Frente Parlamentar Evangélica nas redes sociais.

"Tu és maravilhoso, senhor. Aleluias... Aleluias... Obrigada pela tua presença, Senhor, hoje pudemos sentir a tua presença na Câmara", disse Michelle, quando começou a chorar.

"Tu és poderoso para salvar a nossa nação, Jesus. Aleluias. Deus, haja um avivamento na nossa nação, Senhor. Haja um avivamento no Legislativo, Executivo e no Judiciário. Pai, estenda as tuas mãos sobre a nossa amada nação", continuou Michelle.

A bancada evangélica realiza semanalmente cultos na Câmara com seus integrantes e convidados. O encontro desta semana foi em homenagem ao Dia das Mães, comemorado no próximo domingo.

Pregação

Pastor e amigo de Michelle Bolsonaro, o líder da Igreja Batista Atitude, Josué Valandro Jr. foi o pregador do culto desta quarta-feira. Ele compartilhou nas redes sociais vários momentos de sua mensagem.

“Eu não tenho palavras para descrever o mover que Deus trouxe a este lugar neste dia! O quebrantamento, as lágrimas e a sede por Deus tomou o local! Era nítido que Deus estava fazendo algo novo na vida de deputados, assessores e funcionários da casa legislativa da nação!”, disse o pastor em uma de suas publicações. “Peço ao povo de Deus que não duvide de que ainda vamos virar o jogo e ter um Brasil que valoriza a família, a igreja e a Deus! Votemos com consciência nas eleições deste ano, debaixo de oração e jejum”, completou.