Intervalo de doses da Pfizer para crianças cai para 21 dias no Rio O município do Rio de Janeiro decidiu reduzir o intervalo entre a primeira e a segunda doses da vacina da Pfizer contra a covid-19 para crianças de 5 a 11 anos. A informação foi divulgada hoje (31) pela Secretaria Municipal de Saúde.

O intervalo, que era de oito semanas, passou a ser de 21 dias para todo o público nessa faixa etária a partir desta quinta-feira. Em fevereiro, a Secretaria de Saúde já tinha reduzido o intervalo entre as doses para crianças com comorbidade.

A CoronaVac infantil, indicada para crianças entre 6 e 11 anos, continua com intervalo de 28 dias entre as duas doses.

Quarta dose
A capital Fluminense segue imunizando idosos com 80 anos ou mais e adultos imunossuprimidos com a quarta dose da vacina contra a Covid-19.

As unidades seguem também aplicando a primeira, a segunda e a terceira dose para toda a população que ainda não completou o seu calendário vacinal.

Quem estiver com sintomas como febre, calafrio, tosse, coriza, dor de garganta, dor de cabeça e alterações no olfato e/ou paladar deve procurar um posto de testagem.

Para buscar um local de atendimento, é só acessar o site prefeitura.rio/ondeseratendido.