Vereador morto em Araruama/RJ pode ter sido vítima de traficantes

O vereador Ciraldo Fernandes da Silva (DEM), de 57 anos, foi morto na noite de domingo (08), no bairro da Fazendinha, em Araruama, na Região dos Lagos.



A Polícia Civil investiga o caso, mas as primeiras informações indicam que a vítima teria sido morta por se negar a pagar propinas as traficantes.



De acordo com testemunhas, o vereador foi morto em frente a um bar.



Ciraldo estava em seu quarto mandato como vereador em Araruama. Na eleição de 2016, Ciraldo foi o terceiro mais votado na cidade, com 1.904 votos.



"Meus sentimentos aos familiares e amigos do vereador Ciraldo! Que Deus conforte o coração de todos. Nos deixou de uma forma precoce e trágica, agora está ao lado do nosso Pai", escreveu a prefeita Lívia de Chiquinho em suas redes sociais.



Ciraldo é o segundo político morto no município em 2019. A prefeita Lívia de Chiquinho decretou luto na cidade por três dias. 



Em maio, o ex-vereador Sérgio Cunha de Andrade, conhecido como Serginho da Lotada, foi morto a tiros na rodovia RJ-138. O crime aconteceu também no bairro da Fazendinha.