Dia Mundial de Oração: cristãos se unem para interceder pelos que sofrem injustiça social Neste dia 4 de março, pessoas de todo o mundo participam dos cultos anuais do Dia Mundial de Oração. A data envolve um movimento mundial de cristãos de todas as denominações que observam um momento comum de oração.

As origens do dia remontam ao século 19, quando as mulheres cristãs na América do Norte iniciaram um dia de atividades em apoio ao “envolvimento das mulheres na missão em casa e em outras partes do mundo”.

“O objetivo era envolver as mulheres na missão, aumentar a conscientização das mulheres em outros países e culturas e incentivá-las a usar seus dons no serviço”, disse a ministra Deborah Bensted, que está realizando um serviço na igreja anglicana St Matthews Manly de Sydney, na Austrália.

“O lema do Dia Mundial de Oração é 'A oração informada leva à ação'. Assim, questões de justiça social ocupam cada vez mais a agenda de oração”.

Serviços
O evento deste ano é organizado em conjunto pela Inglaterra, País de Gales e Irlanda do Norte.

“O Dia Mundial de Oração é uma organização ecumênica internacional que permite que mulheres de todo o mundo compartilhem suas ideias e preocupações”, disse a organização WDP em comunicado.

Os serviços são realizados em todo o mundo. Na Inglaterra, país anfitrião, foi realizada uma missa principal no Westminster's Central Hall, em Londres.

Tempos difíceis
Embora o foco seja orar pela situação das mulheres, os serviços também incorporaram aqueles que sofrem na atual guerra da Rússia contra a Ucrânia e no desastre das enchentes no leste da Austrália.

“Dom de oração”
O Dia Mundial de Oração visa demonstrar que oração e ação são inseparáveis.

“Em meio a todas as incertezas que estamos vivendo este ano devido à pandemia da Covid-19, o tema do Dia Mundial de Oração 2022 surge como um bálsamo de confiança”, disse a organização.

“É um convite a colocarmos nossa confiança em Deus em tempos de sofrimento. Recebemos uma semente de esperança para refletir sobre onde ela precisa ser plantada em nossas vidas e em nossas comunidades.

“Aproveite esta oportunidade para conscientizar sobre as necessidades de sua comunidade e oferecer os dons de orações e compromisso. Uma semente, nutrida por orações de intercessão e ações de amor, nos une ao redor do mundo”.