Supera RJ para famílias de Petrópolis ajudará na compra de alimentos e pagamento de contas

Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, passa por um momento de recuperação e reconstrução. Para ajudar neste processo, o Governo do Estado realizou, nesta quinta-feira (24/02), um mutirão de serviços para auxiliar quem for solicitar o benefício estadual SuperaRJ. Entre os serviços à disposição, foram atendidos os pedidos de segunda via do cartão, além da entrega do item aos moradores da cidade. A população também foi orientada sobre como fazer a inscrição, no caso de desempregados e aqueles que acumularão os benefícios municipal ou federal com o estadual.

Na última semana, o governador Cláudio Castro alterou a legislação e permitiu que, em virtude de a cidade ter decretado estado de calamidade, o benefício estadual em Petrópolis será cumulativo com outros.

Larissa Florêncio perdeu a casa e conhecidos. Enxerga o benefício como uma forma de recomeçar. Desempregada, ela foi até o Colégio Estadual Princesa Isabel para obter o cartão. 

- Esse dinheiro vai ajudar muito mesmo. É uma situação em que toda a família precisa de apoio. Vamos conseguir pagar algumas contas e comprar o que for de preciso de alimentos. É um alívio muito grande, ainda mais depois dessa semana tão difícil - contou Larissa, que estava acompanhada da mãe. 

Alana da Silva, que é beneficiária do Cartão Imperial (o auxílio financeiro do município), foi até a ação do SuperaRJ realizar o pedido. 

- Toda Petrópolis foi afetada. Não apenas os bairros que sofreram com deslizamentos e alagamentos, mas outros que estão sem acesso a supermercados. O auxílio estadual vai ajudar muito. Agora, teremos que comprar água e mantimentos. Vou poder ajudar os meus dois filhos, que precisam de cuidados específicos - disse Alana, costureira e moradora do bairro Quitandinha. 

Recursos para alimentação 

Dona Raimunda Guerbaço, uma cearense de 52 anos que mora há 8 deles em Petrópolis, nunca viu uma situação tão calamitosa. Uma semana depois da tragédia, continua abalada pelos acontecimentos. 

- Foi um momento muito ruim, mas estou reunindo forças pra recomeçar. Esse dinheiro vai fazer toda a diferença. Meu esposo precisa de medicamentos caros. O valor também vai ajudar nessas compras e aliviar no pagamento do aluguel - afirmou a dona de casa, que estava no Colégio Princesa Isabel dar entrada no benefício. 

Inscrições no site

Só nesta quinta, foram cerca de 134 atendimentos no CE Princesa Isabel. Nesta sexta (25/02), a equipe do SuperaRJ retorna novamente à unidade escolar, no Quitandinha, para uma nova rodada de inscrições e consultas, das 10h às 16h. 

Vale lembrar que é possível também solicitar o benefício pelo site do programa https://www.superarj.rj.gov.br/, no caso dos desempregados. Já os beneficiários inscritos no CadÚnico não precisam se inscrever para receber o SuperaRJ. 

Atualmente, o SuperaRJ atende a 2.406 beneficiários em Petrópolis, entre desempregados e cidadãos abaixo da linha da pobreza ou extrema pobreza cadastrados no CadÚnico. O Governo do Estado estima que essa alteração na regra do benefício permitirá o atendimento de mais de 10 mil novos beneficiários do SuperaRJ na Cidade Imperial com um investimento de cerca de R$ 4,8 mensais.

Será mantido o valor do auxílio pago atualmente: R$ 280, com adicional de R$ 50 por filho menor, limitado a dois filhos, podendo chegar ao valor máximo de R$ 380 por beneficiário. O programa possui também uma linha de crédito de até R$ 50 mil para microempreendedores, cooperativas de pequenos produtores, agricultores familiares e autônomos. Para quem é de Petrópolis, também poderá acumular com outras linhas de crédito.



 



*Foto: Duvulgação / Governo RJ