Pedra fundamental do maior teleporto para satélites 5G da América Latina é lançada em Maricá O secretário de Estado da Casa Civil do Rio de Janeiro, Nicola Miccione, participou, ontem (14), do lançamento da pedra fundamental do maior Teleporto para satélites 5G da América Latina, que está sendo instalado em Maricá. O espaço será construído pela empresa Telespazio, vinculada à companhia italiana Leonardo, e fornecerá à OneWeb, empresa de comunicações via satélite, infraestrutura e serviços para um novo acesso de satélites.

- Esse é mais um empreendimento importante para o Estado, uma iniciativa que traz a vocação tecnológica para o interior do Rio de Janeiro. A construção do Teleporto permite que novas aptidões tenham espaço no Estado, gerando renda e empregos. Novas gerações poderão ter acesso ao desenvolvimento tecnológico. É um trabalho que permite ao Rio ter um interior forte, essa é uma das premissas da gestão do governador Cláudio Castro, que vai fortalecer não só Maricá, mas toda a região do seu entorno - disse o secretário de Estado da Casa Civil, Nicola Miccione.

A construção do espaço é um dos compromissos firmados pela comitiva do Governo do Estado durante visita à Europa no final do ano passado. Na ocasião, foram realizados acordos com as empresas Enel X, Leonardo e TIM para o desenvolvimento do conceito de Cidades Inteligentes. Entre as parcerias realizadas durante a viagem também estão soluções tecnológicas de ponta para infraestruturas de transporte, conectividade, iluminação e modelos de eficiência energética.

- Hoje, no Teleporto de Maricá, iniciamos um trabalho voltado para a hospedagem dos acessos de satélite que estarão em funcionamento em toda a América Latina até o final do ano, mesmo período em que a constelação da OneWeb começará a iniciar serviços globais com sua rede - disse Marzio Laurenti, CEO da Telespazio Brasil.

O Teleporto de Maricá contará com uma constelação de cerca de 700 satélites, que permitirá internet de alta velocidade e baixa latência, comunicações de alta segurança para instituições governamentais, defesa, indústrias de petróleo, aviação e navegação, além de empresas de telefonia móvel que trazem 3G, 4G e 5G para todas as partes do Brasil. O lançamento dos satélites deve ser concluído ainda este ano.

A cerimônia também contou com as presenças do embaixador italiano no Brasil, Francesco Azzarello; do cônsul-geral da Itália no Rio de Janeiro, Paolo Miraglia; do cônsul-geral do Reino Unido no Rio de Janeiro, Anjoum Noorani, além de representantes da empresa OneWeb e da Prefeitura de Maricá.

- Essa pedra fundamental representa o futuro do país. Há uma relação frutífera entre as duas empresas e a cidade, que fortalece o papel do Brasil nas telecomunicações da América Latina, e que Maricá sedia. Projetos desta envergadura trazem tecnologia, desenvolvimento, emprego, arrecadação e, principalmente, protagonismo para a cidade - disse Olavo Noleto, presidente da Companhia de Desenvolvimento de Maricá.