Praia e futebol: mais de 2.300 policiais vão garantir segurança de banhistas e torcedores no Rio Mais de 2.300 policiais militares estarão mobilizados durante este final de semana para garantir a segurança na orla carioca e nas demais áreas turísticas da cidade. O planejamento segue as diretrizes da Operação Verão e ganhará um significativo reforço neste domingo, dia 6, quando serão realizados dois jogos pelo Campeonato Estadual de futebol com grande apelo de público, ambos na Zona Norte da capital e quase no mesmo horário.

O policiamento também será reforçado no interior do estado, especialmente nas cidades litorâneas e nas localidades com atratividade turística, como nas regiões Serrana e do Vale do Paraíba. O policiamento nas rodovias estaduais já está reforçado desde a tarde desta sexta-feira, dia 4, sob coordenação do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv). Nas rodovias federais de acesso à Região Metropolitana do Rio, unidades da PM prestam apoio à Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A Operação Verão tem início na manhã de sábado e se estende até a noite de domingo. Na capital está programado reforço de efetivo e de recursos materiais em toda a orla da cidade – da Praia do Flamengo ao Pontal, no Recreio – e nos corredores estruturais de acesso às zonas Sul e Oeste. Além dos quatro batalhões responsáveis pelo policiamento da área – 2º BPM (Botafogo), 19º BPM (Copacabana), 23º BPM (Leblon) e 31º BPM (Barra/Recreio), o planejamento conta com unidades do Comando de Operações Especiais (COE) e do Comando de Policiamento Especializado (CPE).

O Grupamento Aeromóvel (GAM) empregará dois helicópteros, sobrevoando a orla carioca e da Região dos Lagos, com apoio de duas equipes no solo. O GAM também fará o monitoramento da orla carioca com a utilização de uma aeronave remotamente pilotada, mais conhecida como drone. Todas as imagens geradas serão transmitidas em tempo real para o Carro de Comando, posicionado no Arpoador.

Também participam da Operação Verão policiais militares do Regimento de Polícia Montada (RPMont) e Batalhão de Ações com Cães (BAC), que reforçarão o policiamento na orla e em estações de transportes coletivos. Equipes do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) farão patrulhamento em motocicletas e na escolta de ônibus. Policiais do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE) estarão patrulhando os corredores estruturais, como a Linha Amarela. O Recom (Ronda Especiais e Controle de Multidões) também será empregado. Equipes do Batalhão Policiamento em Áreas Turísticas (BPTur), com policiais bilíngues, estarão à disposição dos turistas.

- Todas as modalidades de policiamento serão empregadas para prestar o melhor serviço possível. Teremos policiais em viaturas, a pé, em motocicletas, a cavalo, em aeronaves. Será um esforço muito grande para garantir a segurança dos cidadãos do estado e dos turistas – explicou o secretário de Estado de Polícia Militar, coronel Luiz Henrique Marinho Pires.

Segurança para torcedores
No domingo, o planejamento da Operação Verão, além da orla e vias de acesso, será ampliado para garantir a segurança de torcedores das equipes que disputam duas partidas pelo Campeonato Estadual, como também de moradores, especialmente dos bairros da Zona Norte. Flamengo e Fluminense fazem o tradicional clássico do futebol carioca a partir das 16h no Estádio Nilton Santos, no Engenho de Dentro. Quase no mesmo horário, às 15h30min, a equipe do Madureira recebe o Vasco no Estádio Aniceto Moscoso, em Madureira.

Serão mobilizados mais de 360 policiais militares. Além do policiamento interno e no entorno dos dois estádios com a mobilização de equipes sob a coordenação do Batalhão Especializado em Policiamento em Estádios (BEPE), os batalhões de área e as unidades do COE e do CPE serão empregadas, especialmente nas vias de acesso aos estádios.

Ao longo do ramal de Deodoro da via férrea, entre as estações da Central do Brasil e de Madureira, haverá reforço no policiamento com equipes do GPFer (Grupamento de Polícia Ferroviária) e de outras unidades.

O planejamento de segurança para os dois jogos contará também com apoio do RPMont, do BPChq e do BPVE.



*Foto: Divulgação / Governo RJ