Uma legião de adoradores se despede de Ludmila Ferber

A morte de Ludmila Ferber, anunciada na noite desta quarta (26), com certeza foi uma grande perda para nós que ficamos e choramos sua partida, mas com certeza será marcada por uma grande festa no céu para receber esta pessoa tão querida que será lembrada para a eternidade. Lembranças estas que os amigos de Ludmila passaram a compartilhar nas redes sociais neste momento de despedida.

Leia também: Ludmila Ferber morre aos 56 anos

Fernanda Brum, que foi uma das que mais estiveram ao lado de Ludmila, não só nas alegrias, mas principalmente nos momentos de batalhas, manifestou seu carinho e todas admiração pela amiga que nos deixou aos 56 anos, após quase 4 anos de luta contra um câncer.

“Meu amor, minha dor, minhas orações, minhas lágrimas, meu grito da alma, minha saudade… @pastoraludmilaferber mila, minha amiga, meu coração…
Você foi, você é, nossa amizade, seu ministério… São tantas histórias e lembranças que não cabem num post, numa foto. Temos uma vida e um legado. Eu amo você, o que você deixou de aprendizado. Sua vida foi exemplo e esperança. Minha gratidão a Deus pelos momentos que vivemos, que ministramos juntas. Senhor meu Deus, console, conforte, constranja em amor todos que compartilharam algo com a Mila. Que desse legado tenha salvação, transformação, amor e refrigério.
Meus sentimentos à família, meu amor ao ministério e minha esperança no sobrenatural.
Aprendi muito com ela, minha amiga, minha Mila, descanse em paz com nosso Deus, amigo e salvador. Nos encontraremos na eternidade e ela verá os frutos de tudo que plantou! Amor e lágrimas, gratidão… até breve e não adeus”, legendou Fernanda uma sequência de fotos ao lado de Ludmila.

A mesma dor, saudade e amor compartilhou Aline Barros em suas redes sociais. “Ela foi uma verdadeira guerreira. Deixou um legado, marcou gerações. Eu me lembro da primeira vez que vi @pastoraludmilaferber cantar, da vez que ela estava gravando e eu pedi pra ficar sentada lá no cantinho da sala do estúdio onde ela ia por voz e ela disse: ‘Pode sim, Aline, mas não pode fazer barulho algum tá bom?!’…”ok”, eu respondi balançando a cabeça… Eu tinha apenas 12 anos de idade. …Experiências que ficam pra sempre em nossos corações. Oramos por todos os familiares e amigos para que o Espírito Santo conforte os corações. Sua voz continuará ecoando em nossos corações”, declarou Aline.

Shirley Carvalhaes, uma das primeiras a manifestar seu pesar, disse assim: “Hoje perdemos uma pessoa especial, mas o céu ganhou uma bela Rosa @pastoraludmilaferber que os céus te recebam com grande Louvor. Você deixou um grande legado para muitos amigos e irmãos e uma geração de adoradores e que sempre será lembrada por todos nós. Descanse em paz, minha querida amiga. E o que vai ficar será uma grande saudade.”.

Davi Sacer lembrou um encontro com Ludmila e Fernanda Brum. “Aqueles encontros de aeroporto eram as chances que tínhamos de nos vermos e botarmos o papo em dia. Como dói perder alguém que tanto me influenciou. Lembro da última vez que nos encontramos no aeroporto e você falou de suas filhas de uma forma tão linda, que me marcou. Pena não termos tirado foto dessa vez. Os céus celebram sua chegada, amiga”, recordou.

A informação sobre a morte de Ludmila foi confirmada pela gravadora Sony Music Gospel, de onde ela era contratada.

O local da morte não foi informado. De acordo com o site oficial da artista, ela vivia no Rio com as filhas.

“Infelizmente a nossa guerreira pastora Ludmila Ferber nos deixou, mas aqui ficam o seu legado, suas canções, seu exemplo, sua tenacidade, seu propósito, sua luta, sua fé, sua arte, sua poesia e sua história! Nossos sentimentos aos familiares. Que Deus console a todos que de alguma forma conviveram com nossa querida pastora! Agora já pode parar de lutar. Descanse em paz!", afirma a postagem da Sony.

Prefeito e governador do Rio lamentam

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), lamentou a morte da cantora nas redes sociais.

“’Tenho certeza que essa música vai renovar as suas forças para continuar a jornada... mas lembre-se, busque a Face de Deus!! Dele vem o nosso fôlego de vida!’ Meus sentimentos aos amigos, familiares e a enorme legião de fãs da pastora Ludmila Ferber”, afirmou o prefeito.

O governador Cláudio Castro (PL) também divulgou uma nota de pesar.

“’Não desista, não pare de crer, os sonhos de Deus jamais vão morrer.’ Para nós que acreditamos na ressurreição, a morte é o retorno para casa, perto do Pai. Deixo minhas condolências aos amigos e familiares da pastora Ludmila Ferber. Que Deus traga conforto neste momento”, disse o governador do Rio.

As declarações e lembranças são numerosas, assim como o talento e compromisso de Ludmila Ferber com o Reino de Deus que hoje se apresenta ao Senhor de uma forma toda especial. Um “até breve” a todos os que, como ela, entenderam o chamado de Deus.

“Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé. Agora me está reservada a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amam a sua vinda.” (2Timóteo 4. 7 e 8)