Atendimentos de síndrome gripal têm queda em UPAs do Rio A Secretaria de Estado de Saúde (SES) registrou redução de 40,1% na média móvel de atendimentos de pacientes com síndrome gripal nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da rede estadual. Caiu de 5.028 (entre 6 e 12 de dezembro) para 3.008 por dia na última semana (entre 13 e 19/12).

Os números também mostram uma queda mais acentuada no número de atendimentos pediátricos: menos 42,4% em relação aos últimos 14 dias, com média de 564 crianças consultadas por dia. Nos 14 dias anteriores, a média móvel foi de 981 crianças por dia.

Já o atendimento médio de adultos caiu de 4.046 para 2.443 por dia.

Os dados indicam que os números de casos nas UPAs da capital começam a diminuir, sendo observado o deslocamento da alta transmissão para municípios de outras regiões do estado.