Rua Radialista Francisco Silva: vereador Eliel do Carmo propõe homenagem ao  fundador da Melodia

O fundador da Rádio Melodia, o ex-deputado e empresário Francisco Silva, receberá em breve uma justa homenagem póstuma. A Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro aprovou, em sessão realizada nesta quarta-feira (24), o Projeto de Lei 662-A-2021, de autoria do vereador Eliel do Carmo, que dá o nome de Radialista Francisco Silva (1938-2017) a um logradouro na Zona Oeste da Capital Fluminense.

Eliel do Carmo, também radialista e grande amigo de Francisco Silva e de sua família, agradeceu em plenário aos colegas parlamentares pela aprovação do projeto, que tem coautoria do vereador César Maia.

“Francisco Silva foi um homem muito importante para este estado e esta cidade. Nas décadas de 1970 e 1980, então empresário, ele ficou conhecido como o “Chico do Atalaia”, tamanho o sucesso do remédio Atalaia Jurubeba, lançado por ele, cujo slogan dizia: ‘Amarga, mas resolve’, lembrou Eliel.

“No ano de 1987, Francisco Silva adquiriu a Rádio Melodia, uma emissora pequena naquela época, e a transformou no que é hoje, uma rádio campeã de audiência em todo o Rio de Janeiro, segundo o Ibope”, prosseguiu.

“Francisco Silva também deixou um legado na política. Ele foi deputado federal por três mandatos, sendo o mais votado em 1994, no Rio de Janeiro. Ele foi contemporâneo, salvo engano, dos vereadores César Maia, Chico Alencar e Dr. Paulo Pinheiro. Um homem que deixa um grande legado.”

“Quero agradecer a todos os vereadores e vereadoras pela aprovação deste projeto. E também abraçar a dona Adjanira Silva, esposa do saudoso Francisco Silva, seus filhos, sobretudo o deputado estadual Fábio Silva, que já está em seu quinto mandato”, concluiu o vereador Eliel do Carmo.

O vereador César Maia, que acompanhou a sessão por videoconferência, reivindicou a coautoria do projeto e relembrou sua amizade com o homenageado.

“Eu conheci o Francisco Silva, um homem exemplar na política, nas comunicações, como empresário. Eu pediria ao vereador que me concedesse a coautoria neste importante Projeto de Lei”, comentou César Maia, sendo prontamente atendido por Eliel do Carmo.

Biografia

Nascido em Cunha (SP), em 26 de maio de 1938, Oliveira Francisco da Silva, o Francisco Silva, como era mais conhecido, fundou e era o proprietário da Rádio Melodia FM, atualmente a emissora mais ouvida no Rio de Janeiro. Ele também foi o apresentador oficial do programa Cristo em Casa.

Francisco Silva faleceu no dia 06 de outubro de 2017 no Hospital Samaritano, Rio de Janeiro, aos 79 anos. O radialista foi vítima de uma doença degenerativa nos rins chamada mielodisplasia. Ele deixou a esposa, Adjanira Guedes da Silva, e cinco filhos: Marcelo, Théo, Thiago, Aline e Fábio Silva, que está em seu quinto mandato como deputado estadual (DEM-RJ).

Evangélico, Francisco Silva foi um carioca de coração e lutava pelos direitos da população a qual escolheu servir. Ele foi presidente do Instituto Fleming do Brasil, entre 1985 e 1987. Comprou a Rádio Melodia, em 1987, e em alguns meses mudou sua programação, transformando-a na primeira rádio musical com programação 100% evangélica no Brasil. Franciso também foi proprietário das rádios Brasil e Copacabana AM. Em 1988, filiou-se ao Partido Democrata Cristão (PDC), legenda pela qual elegeu-se deputado federal em 1990. Filiou-se ao Partido Social Trabalhista (PST) em 1992. Em 1993, ingressou no Partido Progressista (PP), legenda resultante da fusão do PST com o Partido Trabalhista Renovador.

Reeleito em 1994 como o deputado mais votado, pelo PP, foi um dos fundadores do Partido Progressista Brasileiro (PPB), resultante da fusão do PP com o Partido Progressista Reformador. Em 1998, foi reeleito deputado federal pelo PPB. Também foi secretário de Habitação no governo do Rio de Janeiro.

Sob a direção de Francisco Silva, a rádio Melodia FM consolidou-se como emissora de música e programação exclusivamente voltada para o público evangélico, sendo a primeira rádio neste segmento a se tornar líder de audiência entre as FMs no Rio de Janeiro.