Intervalo para receber 2ª dose da Pfizer no Rio passa a ser de 21 dias para quem tem 20 anos ou mais

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro informou na noite desta quinta-feira (04) que o intervalo mínimo entre a primeira e segunda dose da vacina da Pfizer passou a ser de 21 dias para quem tem 20 anos ou mais. Quem está nessa situação deve procurar uma unidade para completar seu esquema vacinal. No dia 22 de outubro, a pasta já havia tomado a mesma medida para quem tem 30 anos ou mais.

Nesta sexta-feira (05), a vacinação contra Covid-19 prossegue no Rio de Janeiro. A imunização será destinada à primeira dose para pessoas com 12 anos ou mais que ainda não foram vacinadas e à dose de reforço para homens com 63 anos ou mais.

Profissionais e trabalhadores da saúde que tomaram a segunda dose na cidade do Rio até 31 de maio e pacientes com alto grau de imunossupressão com 12 anos ou mais também podem tomar a dose de reforço.

As unidades seguem aplicando a segunda dose, conforme a data estipulada no comprovante da primeira.

Quem vai receber a vacina deve apresentar identificação original com foto, número do CPF e, se possível, a caderneta de vacinação. Para a segunda dose, é importante levar também o comprovante da primeira aplicação.

Encontre a unidade mais próxima: prefeitura.rio/ondeseratendido

Para mais informações, acesse: coronavirus.rio/vacina