Melodia se despede do grande comunicador Cezar de Andrade

“Deus me deu, Deus tomou; bendito seja o nome do Senhor”. Este versículo de Jó 1.21 traduz o sentimento de toda a família Melodia neste momento em que nos despedimos do comunicador e pastor Cezar de Andrade, que partiu para os braços do Senhor aos 68 anos. O apresentador do Manhã Melodia estava internado há cerca de três meses, com Covid-19, na Policlínica de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O anúncio do falecimento foi feito pelo diretor da Rádio Melodia, o apresentador e deputado estadual Fábio Silva, ao fim do programa Tarde Maior desta quinta-feira (14).

“Cezar de Andrade foi um grande comunicador da Rádio Melodia há algumas dezenas de anos, idealizador do Debate Melodia, uma pessoa extremamente agradável, um amigo, e foi um grande amigo do meu pai (Francisco Silva). Essa amizade continuou comigo e com os meus irmãos. Infelizmente, hoje recebi esta triste notícia da Cláudia, sobrinha do Cezar. Perdemos um grande irmão”, disse Fábio Silva.

Segundo a família, o locutor apresentava bons sinais de recuperação nos últimos dias. Os médicos acreditavam que ele teria alta em breve. Mas nesta quinta, não resistiu às complicações da doença.

Recentemente, Cezar apresentou o programa Manhã Melodia, de segunda à sexta-feira, das 05h às 08h, com muita informação e seus comentários sempre precisos. Durante os últimos cerca de três meses, enquanto Cezar esteve internado, o locutor Oliveira Júnior comandou a atração.

“Conheci o meu amigo, pastor Cezar de Andrade, ainda quando fazia rádio AM. Sempre alegre, irreverente, dono de uma criatividade invejável, no bom sentido. Admirado pela sua alegria, dinamismo e descontração! Tudo o que se propunha a fazer, realizava com muita dedicação e profissionalismo! Vai me deixar muitas saudades. Mas o Senhor deu,  o Senhor recolheu! Não é um adeus, mas sim um até logo. Pois com certeza, em breve, estaremos todos juntos ao lado do Pai! Até já, meu amigo e pastor", despediu-se Oliveira Júnior.

Cezar também era pastor presidente do Ministério Favos de Mel, na Taquara, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Homenagens

Cezar sempre será lembrado por sua alegria, descontração e compromisso com a verdade que liberta. Amigos lembraram disso hoje.

“Todo o contato que tínhamos com o Cezar era sempre de muita alegria. Ele sempre trazia muita alegria com o seu jeito descontraído. Ele deixa um grande legado para todos nós da Melodia e todos os ouvintes. Saudades eternas”, disse o locutor Edinho Lobo.

Fábio Silva aproveitou o momento para pedir orações aos familiares e a todos os amigos de Cezar de Andrade que choram esta grande perda.

A apresentadora do Tarde Maior, Debora Lyra, mesmo com a voz embargada, falou sobre o que Cezar de Andrade representa para o rádio brasileiro.

“Cezar nos deixa um legado de profissionalismo, enquanto radialista da Melodia, amigo e colega de trabalho. A convivência dele com todos nós aqui da rádio era sempre muito alegre. Aprouve a Deus recolher Cezar de Andrade. Colher mais uma flor para o seu lindo jardim. Fica a tristeza nos nossos corações pela ausência. Mas por outro lado nos alegramos em saber onde ele está agora nos braços do Pai. Isso é o que nos conforta”, comentou Debora.

Grande companheira do Manhã Melodia, a jornalista Marília Sarlo estava inconsolável com a perda do amigo, mas fez questão de demonstrar seu carinho por Cezar de Andrade.

“Profissional e pessoa ímpar, a qual tive o privilégio de ter como companheiro de trabalho, mentor e amigo. Cezar, você que fazia a diferença na vida de muitos, alegrava vidas e lares pelo Rio, Brasil e mundo a fora, já estava fazendo, agora fará falta para sempre. Seus ‘bordões’, suas frases prontas e sua alegria estarão para sempre em nossos corações! Mas vai em paz, meu amigo ‘Cezar com Z’, para o seu lar, ao lado do Pai”, comentou a jornalista.

O apresentador e vereador Eliel do Carmo homenageou o amigo em suas redes sociais. "Grande irmão, excelente comunicador, meu professor, o idealizador do Debate Melodia, um privilégio ter o Cezar como meu mentor, uma amizade sincera. Sentirei sua falta. Sua marca jamais será esquecida. Que o Espírito Santo console os corações dos familiares e da sua mãezinha", legendou Eliel uma sequência de fotos com Cezar.



 



 


Siga-nos