Bolsonaro acolhe seguidores de Xuxa e atitude surpreende No domingo (10), a apresentadora Xuxa usou seu perfil no Instagram para disparar novas críticas contra o presidente. Além de chama-lo de “genocida”, a artista solicitou adesão ao movimento pelo processo de impeachment e fez um pedido a seus seguidores que apoiam Bolsonaro.

“Deixe de me seguir, deixe de falar comigo”, escreveu.

Na terça (12), um tweet do presidente acenou para os fãs da apresentadora. “Se você apoia Xuxa, peço que nos siga. Seria uma satisfação apontar fatos omitidos para que possamos sempre melhorar e unir nosso país!”

O “tapa com luva de pelica” chegou a surpreender os internautas, acostumados às respostas quase sempre sarcásticas do presidente a ataques sofridos nas redes sociais.

A conclusão óbvia: uma boa estratégia de marketing para suscitar engajamento digital e publicidade espontânea na mídia. Na prática, Xuxa não vai perder número relevante de seguidores e Bolsonaro não irá cooptar muitos fãs da apresentadora.

A apresentadora tem 11.8 milhões de seguidores e engajamento de 1,25%, de acordo com a ferramenta de monitoramento SocialStats. Na mesma rede social, o presidente possui 18.9 milhões de admiradores e 0.88% de mobilização.

Desde o início deste ano, quando deixou a Record TV, Xuxa reforçou sua militância contra o mandatário. A apresentadora já postou inúmeros textos e vídeos em tom agressivo contra o líder da nação.