Covid-19: Rio começa a aplicar dose de reforço em quem tem mais de 95 anos

Nesta segunda (13), a vacinação contra Covid-19 no município do Rio de Janeiro é destinada aos idosos com 95 anos ou mais. Pessoas com 23 anos ou mais, gestantes, puérperas, lactantes e Pessoas com Deficiência (PcD) com 12 anos ou mais também podem se vacinar, preferencialmente, no período da tarde.

As unidades seguem aplicando a segunda dose, conforme a data estipulada no comprovante da primeira.

Para retomada da vacinação dos adolescentes escalonados por faixa etária, a Secretaria Municipal de Saúde diz que aguarda a entrega de mais doses pelo Ministério da Saúde, o que está previsto para acontecer entre hoje (13) e amanhã (14), sendo possível retomar o calendário na quarta-feira (15).

Reforço

A dose de reforço, chamada DR, é destinada aos idosos que receberam a segunda aplicação do imunizante há, pelo menos, três meses.
 Os imunizantes usados são os da Pfizer e Astrazeneca.





Leia também: Especialista alerta para a importância da terceira dose contra a Covid-19

Pra não esquecer


Quem vai receber a vacina deve apresentar identificação original com foto, número do CPF e, se possível, a caderneta de vacinação. 

Para a segunda dose, é importante levar também o comprovante da primeira aplicação.

Pessoas com Deficiência (PcD) devem apresentar laudo da rede pública ou particular; cartões de gratuidade no transporte público; documentos comprobatórios de atendimento em centros de reabilitação ou unidades especializadas no atendimento de pessoas com deficiência; documento oficial de identidade com a indicação da deficiência ou qualquer outro documento que indique se tratar de uma pessoa com deficiência.



Gestantes e puérperas devem apresentar cartão de pré-natal, além da assinatura do termo de esclarecimento disponível em coronavirus.rio/vacina

Lactantes devem apresentar indicação do profissional de saúde que realiza o acompanhamento da criança.



Encontre a unidade mais próxima: subpav.org/ondeseratendido



Para mais informações, acesse: coronavirus.rio/vacina 



 



(Foto: Reprodução Instagram/Prefeitura RJ)