Direitos Humanos: Hotel Acolhedor atende mais de 400 moradores de rua em uma semana Desde que foi inaugurado, em 30 de agosto, o Hotel Acolhedor atendeu 438 abrigados. O programa da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Rio de Janeiro oferece um leito de hotel para o pernoite à população de rua da capital fluminense.

Na última semana o programa se converteu também em uma porta de entrada para outros serviços do estado aos abrigados. Cerca de 10% dos atendidos pelo Hotel Acolhedor foram encaminhados para serviços como; segunda via de documentação, encaminhamento ao mercado de trabalho, Centro de Referência Especializado de Assistência Social entre outros.

O Hotel Acolhedor localizado na Rua Pedro Américo, 173, no Catete, oferece 130 vagas diárias, além de 3 refeições, roupa de cama e kit de higiene básica. O equipamento conta com uma equipe de oito educadores e dois profissionais na área de assistência social e psicologia.

- O Programa Hotel Acolhedor vem resgatar a dignidade da nossa população e oferecer novamente uma oportunidade de um novo recomeço de vida - disse o secretário Matheus Quintal.

- Muitos que estão em situação de rua não conseguem arrumar um emprego por não possuírem residência fixa. Com o Hotel Acolhedor, nós vamos mudar essa realidade e ajudar essas pessoas - acrescentou o secretário.

Os acolhidos chegam até o hotel a partir do contato com as equipes da Fundação Leão XIII, Marcha da Cidadania e Ordem e Segurança Presente, que atuam na região da Zona Sul e Centro da Cidade.

Nas próximas semanas o programa será expandido com abertura de mais 170 vagas em um segundo hotel, no centro do município do Rio. Ao todo o Hotel Acolhedor terá 300 leitos para atender à população de rua.