Enfermeira alemã troca vacina por soro e 9 mil pessoas deverão voltar aos postos de vacinação Quase 9 mil pessoas na Alemanha devem ser vacinadas novamente após uma enfermeira trocar a vacina por uma solução inofensiva de água salgada.

Depois de jogar fora um frasco da vacina Pfizer em abril, uma enfermeira alemã substituiu as injeções de Covid-19 por soro fisiológico e administrou-as aos pacientes.

Mas a polícia descobriu que a enfermeira pode ter trocado a vacina várias vezes.

As autoridades locais disseram que quase 9 mil pessoas vacinadas entre 5 de março e 20 de abril precisarão de outra injeção para estarem seguras. Todas as pessoas afetadas tinham mais de 70 anos e foram vacinadas no mesmo local em Schortens-Roffhausen, disse o relatório.

As autoridades chegaram à conclusão depois de entrevistar várias testemunhas no mês de junho. As autoridades disseram que as pessoas que podem ter recebido a solução de água salgada no lugar da vacina estão sendo contatadas para compensar a dose que faltava, disse o relatório.

Quando a situação surgiu em abril, as autoridades usaram testes de anticorpos de pessoas que suspeitavam que não receberam uma dose real da vacina. Mas as autoridades disseram que, como as vacinações ocorreram meses atrás, os testes de anticorpos seriam menos úteis.

Uma investigação sobre o que motivou a enfermeira a fazer a troca está em andamento. Os investigadores disseram que a mulher compartilhou postagens nas redes sociais que criticavam as vacinas, disse o relatório.

Cerca de 57% da população alemã está vacinada contra Covid-19, indicam dados analisados ​​pela agência de notícias Reuters.