Itália é bicampeã da Eurocopa

A história da redenção do futebol italiano está completa. A dolorosa espera de meio século pela Inglaterra por um título importante continua.

A Itália conquistou o Campeonato Europeu pela segunda vez ao vencer a Inglaterra por 3 a 2 nos pênaltis neste domingo (11). A partida terminou em 1 a 1 após a prorrogação.

Gianluigi Donnarumma mergulhou para a esquerda e defendeu o pênalti decisivo de Bukayo Saka, o terceiro pênalti consecutivo da Inglaterra na disputa de pênaltis diante de seus próprios torcedores no Estádio de Wembley.

Há menos de quatro anos, os italianos mergulharam no pior momento de sua história do futebol ao deixar de se classificar para a Copa do Mundo pela primeira vez em seis décadas. Agora, eles são a melhor equipe da Europa e em uma série de 34 jogos sem perder, recorde nacional, sob o comando de Roberto Mancini.

A Inglaterra estava jogando sua primeira grande final em 55 anos, após derrotas em 1990, 1996, 1998, 2004, 2006 e 2012.

A Inglaterra saiu na frente no segundo minuto, quando Luke Shaw marcou o gol mais rápido em uma final da Eurocopa. Leonardo Bonucci empatou no 67º.

Foi o segundo título continental da Itália depois de 1968, somando-se às quatro Copas do Mundo do país.

Ataques racistas


Os ingleses Marcus Rashford, Jadon Sancho e Bukayo Saka, que perderam as penalidades da decisão, sofreram racismo nas redes sociais minutos após o fim do jogo. Veja acima os prints de suas respectivas redes sociais.



 


Siga-nos