Google revela perfil do novo pai
Na busca pelo perfil de consumo dos pais e seus impactos econômicos, o Google Consumer Survey fez um levantamento on-line que analisa como os pais brasileiros se enxergam em propagandas relacionadas à data comemorativa. Os resultados mostram uma insatisfação com estereótipos há muito tempo consolidados.

Foram entrevistadas 500 pessoas com 18 anos ou mais, que responderam perguntas relacionadas à paternidade. A pesquisa mostra que somente 35% se identificam com a imagem de pai que aparece nas propagandas. Juntos, pais que não (38%) se identificam ou raramente (27%) somam 65%.

Os estereótipos que mais sofrem rejeição, de acordo com o levantamento, são: o pai perfeito (41%); aquele com papel secundário na criação dos filhos (32%); e o pai muito rígido ou autoritário (30%).
Os entrevistados também responderam como gostariam de ser retratados nas propagandas. 38% preferiria ver o pai participando dos cuidados diários dos filhos; 35% o pai dividindo igualmente a responsabilidade de criar os filhos; e 32% dividindo as responsabilidades de casa.

Neste ano, a maioria dos brasileiros vão passar este Dia dos Pais em casa. Cerca de 85% das pessoas que responderam à pesquisa do Google Consumer Survey pretendem passar a data comemorativa sem sair, seja na casa dos pais, filhos ou avós. Dos entrevistados, somente 8% vão celebrar em restaurantes e outros lugares e 7% não costumam comemorar.