Como ver o anel de fogo nesta quinta-feira

Os madrugadores do hemisfério norte podem ver o que parece ser um "anel de fogo" no céu nesta quinta-feira (10) de manhã, enquanto a lua passa entre a Terra e o sol.

O eclipse solar, esperado próximo ao nascer do sol , aparecerá dessa forma porque a lua está no ponto mais distante em sua órbita elíptica ao redor da Terra ou próximo a ele agora, então, quando passar entre nós e nossa estrela mais próxima, bloqueará apenas parte do sol. Um eclipse solar total ocorre quando a lua cobre todo o sol de forma que apenas uma névoa de luz ao redor da lua escura é visível.

Em vez disso, nós, humanos, veremos uma das duas coisas nesta manhã:

Eclipse solar anular: ocorre quando a lua está no ponto mais distante da Terra e parece muito pequena. A lua inteira passa na frente do sol, criando o que parece ser um buraco de rosquinha no meio da estrela.

Eclipse solar parcial: ocorre quando os três corpos celestes não estão perfeitamente alinhados, então apenas parte da lua passa na frente do sol. Neste caso, o sol parecerá ter sido arrancado de uma parte dele.

Apenas algumas pessoas poderão ver um eclipse solar anular hoje. Aqui no Brasil o fenômeno só poderá ser visto com a ajuda da internet.

Onde o eclipse pode ser visto

De acordo com a NASA, os espectadores no sudeste, nordeste e centro-oeste dos Estados Unidos, bem como no norte do Alasca, poderão ver um eclipse parcial antes, durante e logo após o nascer do sol.

Um eclipse parcial também será visível em grande parte do Canadá, bem como em partes da Europa, Ásia, norte da África e Caribe.

Pessoas em partes do Canadá, Groenlândia e norte da Rússia poderão ver o eclipse anular, disse a agência.

Se você não consegue ver o eclipse de onde está ou simplesmente quer uma imagem mais clara, a NASA está transmitindo o evento astronômico aqui e aqui por volta das 6h da manhã (horário de Brasília).


Siga-nos