Esposa de Justin Bieber revela como lida com preconceito por conta de sua fé

Hailey Bieber não quer saber de comentários críticos sobre sua fé. A modelo recentemente postou uma entrevista com a atriz Yvonne Orji e falou sobre o assunto em seu canal no YouTube.

As duas famosas conversaram sobre a tentativa de manter as suas crenças religiosas em meio à indústria do entretenimento.

A esposa de Justin Bieber revelou que costuma ler comentários nas redes sociais, dos quais ela acha que podem ser muitos críticos, e até mesmo vindo de fãs que compartilham da mesma formação cristã que ela.

"Eu conheci pessoas cristãs que são extremamente críticas e fizeram com que eu me sentisse uma pessoa má, porque não vivo minha vida da maneira que eles acham que eu deveria viver", disse a modelo à Yvonne. "E me senti estranha em postar certas fotos minhas ou sentir como, ‘As pessoas na Igreja vão ver isso. Estou fazendo algo errado? Estou dando um mau exemplo?".

Mas no final, Hailey dá adeus a esses pensamentos, dizendo: "E a realidade é... Não".

A modelo também tocou na fé como o maior fator de vínculo quando se trata de sua relação com o marido, Justin.

"Eles me perguntam o tempo todo: 'O que você diria que é a coisa mais importante no seu relacionamento? Vocês estão realmente felizes'. E eu fico tipo, 'É a nossa fé'. É nisso que acreditamos. Se não tivéssemos isso, nem estaríamos aqui. Nem estaríamos juntos".

Hailey não teve vergonha de creditar a fé compartilhada pelo casal como uma razão para que seu relacionamento permanecesse forte, e até explicou que depois de estarem juntos na Igreja, eles puderam voltar a ficar juntos depois de se separarem por um breve período, quando ela tinha 19 anos.

Em 2019, a filha de Stephen Baldwin disse que seu objetivo final é "representar Jesus".

"Eu obviamente acredito na modéstia, mas uma grande parte do meu trabalho é o corpo, o rosto e a vaidade e essa é toda a premissa do que faço, então é realmente muito difícil tentar ser tipo, 'Isso é o que eu faço pelo meu trabalho mas no domingo estou na igreja e isso é uma coisa real para mim e um estilo de vida real para mim e Jesus é uma coisa real para mim, 'sem parecer que estou comprometendo tudo ", disse Hailey.

"Ser capaz de compartilhar isso uns com os outros – ter aquele vínculo de fé espiritualidade – é tão [crítico] para nós", continuou ela. "É a parte mais importante do nosso relacionamento, seguir Jesus juntos, ser parte da comunidade da Igreja juntos. É tudo".

Mas, como Hailey admitiu para Yvonne, ela ainda acha que o equilíbrio entre manter sua fé e estar no show business é muito difícil. "Estar neste setor e acreditar no que acreditamos pode ser difícil às vezes", explicou.