Prefeito que decretou lockdown se desculpa após ser flagrado em resort O lockdown em Ribeirão Preto/SP acabou na segunda-feira (31), mas a polêmica envolvendo o prefeito Duarte Nogueira (PSDB) continua. Ele reconheceu que foi para um resort na região de Araraquara, também no interior de São Paulo, no final de semana, enquanto trancou a população em casa. Imagens do prefeito no hotel, ao lado de uma mulher, viralizaram nas redes sociais, com cobranças pelo fato de ele não ter cumprido o lockdown que decretou em sua própria cidade para conter o avanço da covid-19. 

"Já tinha feito a reserva há um mês, antes de Ribeirão entrar na fase restritiva. No tempo que estive lá, cumpri os protocolos (da região de Araraquara)", disse Nogueira, em coletiva na segunda-feira, 31 de maio. 
 


"Talvez eu devesse não ter ido", disse o político. O prefeito, no entanto, pediu desculpas aos que se sentiram ofendidos por sua atitude. "Peço desculpas pela minha ação", concluiu. 

Entre 27 e 31 de maio, Ribeirão Preto esteve na chamada fase Emergencial Restritiva, semelhante ao lockdown decretado no mês de março na cidade. No período, houve toque de recolher das 21h às 5h, o transporte público foi suspenso e diversos serviços, incluindo alguns essenciais, tiveram seu funcionamento alterado. O lockdown em Ribeirão Preto fechou até mesmo supermercados, que ficaram liberados para atender somente em sistema delivery e drive thru.

Dados da Prefeitura mostram que 11% dos 711,8 mil habitantes já foram infectados. Hospitais da cidade têm cerca de 300 pacientes nas UTIs.