Famosos prestam homenagens à Eva Wilma

A atriz Eva Wilma morreu aos 87 anos, na noite deste sábado (15), no Hospital Albert Einstein, onde tratava um câncer no ovário. De acordo com a assessoria, ela sofreu uma insuficiência respiratória. A artista estava internada desde o dia 15 de abril, inicialmente para tratar problemas cardíacos e renais. O câncer foi descoberto no último dia 7 de maio. 

Nas redes sociais, artistas homenagearam a intérprete de personagens icônicos, como as gêmeas Ruth e Raquel, na primeira versão de Mulheres de Areia, a Maria Altiva, de A Indomada, e a Marietta Berdinazzi, em O Rei do Gado.

"Mais uma estrela no céu do Brasil. Obrigado por tudo Dona Eva, boa viagem”, disse Tuca Andrada.

"Vivinha companheira e grande atriz. Muito obrigada. Vamos sentir muito sua falta”, comentou Betty Faria.

"Perdemos Eva Wilma. Tristeza demais. Uma gentil dama do teatro, tuitou Serginho Groisman.

"Ei, Vivinha! Lembra daquele almoço que estávamos marcando para depois da pandemia  Mauro e eu íamos levar o vinho e ficaríamos até tarde rindo e recordando dos bons momentos e do Zara. É, não deu tempo e você foi se encontrar com ele antes disso, claro, vocês se encontrariam de uma forma ou de outra. Mas sabe de uma coisa? Meu coração e o de todos os brasileiros se enche de orgulho de você, do ser humano lindo que você foi, é e sempre será. De todo legado que deixou com sua arte e sua nobreza, eu parava qualquer coisa que estava fazendo pra te ver na TV e dar aquele sorriso por saber que era exatamente daquele jeitinho que eu conheci quando ainda éramos mocinhas. Obrigada pela amizade e pelos sorrisos sinceros, não deixe de olhar por nós daí de cima. Da sua Rosinha e Maurão”, disse Rosamaria Murtinho.

Homenagem

John Hebert Júnior, filho mais novo da atriz, compartilhou na manhã deste domingo uma homenagem à mãe. “Obrigado, mãe”, escreveu o cantor na foto em que aparece com Eva, em cima de um palco.

Nos Stories, John compartilhou um post feito pelo filho Francisco e um agradecimento ao médico Roberto Sebastian Zeballos, responsável pela atriz.

Carreira e família

Eva Wilma Riefle Buckup nasceu em 14 de dezembro de 1933 na cidade de São Paulo. A atriz começou a carreira artística aos 19 anos, no Ballet do IV Centenário de São Paulo, mas abandonou a dança pouco depois, quando recebeu convites para integrar o Teatro de Arena e o programa “Alô Doçura”, da TV Tupi.

O seriado ficou dez anos no ar e a atriz dividia espaço na atração com John Herbert, com quem se casou em 1955. Eva e John se separaram em 1976. Juntos, tiveram dois filhos, Vivien e John Herbert, conhecido profissionalmente como Johnnie Beat. Três anos depois da separação, a atriz se casou com o ator Carlos Zara, que morreu em 2002.