Caixa divulga calendário para saques do FGTS

A Caixa Econômica Federal divulgou nesta segunda-feira (5) o calendário de saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os saques de R$ 500 começam no dia 13 de setembro para quem tiver conta poupança na Caixa e no dia 18 de outubro para quem não for correntista.



Confira o calendário.



A data do saque depende da data de aniversário do trabalhador e segue até o dia 31 de março de 2020.



Os trabalhadores poderão sacar de todas as contas de FGTS que possuírem saldos, sejam ativas ou inativas (do emprego atual ou dos anteriores). Não há limite do número de contas para os saques.



Para quem tiver conta poupança na Caixa, o depósito será feito automaticamente. Os correntistas que não desejarem sacar os valores deverão informar ao banco – eles terão até 30 de abril de 2020 para solicitar o desfazimento do crédito ou a transferência do valor para outra instituição financeira. Segundo a Caixa, 33 milhões de trabalhadores devem receber o crédito automático.



Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, nos dias de depósito e de saques as agências abrirão 2 horas mais cedo. O horário diferenciado de atendimento também será estendido para os cinco dias úteis seguintes à data de saque.



A Caixa informou ainda que as agências também abrirão no sábado seguinte à data de saque. As agências funcionarão de 9h às 16h.



"Se houver algo muito forte, também abriremos no sábado seguinte. Se houver necessidade, dada uma demanda maior do que esperávamos", disse.



O presidente também reforçou que as unidades lotéricas abrirão duas horas mais cedo nos cinco dias úteis seguintes à disponibilização do saque do FGTS. Como os horários de unidades variam, é necessário consultar pessoalmente o período de atendimento da unidade que escolher.