Turista chileno é esfaqueado por ambulante em Copacabana

Um turista chileno foi esfaqueado, na noite desta quinta-feira (01), por um homem que se passava por ambulante em Copacabana, na Zona Sul do Rio. A vítima, que não teve a identificação revelada, disse que estava acompanhado da namorada, quando foi abordado por homem que lhe ofereceu algo, na esquina da Avenida Atlântica com a Rua Paula Freitas. O turista se negou a comprar o produto, tentou deixar o local e foi atacado.



O chileno teve ferimentos superficiais e procurou a UPA de Copacabana. De lá, ele foi transferido para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, onde recebeu atendimento e teve alta. O casal está passando férias no Rio de Janeiro.



VARREDURA



Depois do ataque ao chileno, o secretário estadual de Turismo, Otavio Leite, disse que o governo do estado fará uma ação para checar a situação dos ambulantes que atuam em Copacabana.



"O governador Wilson Witzel determinou uma ação de recolhimento de artefatos, objetos que possam de alguma maneira provocar riscos ou danos a terceiros", Otávio Leite anunciou. "Vamos trabalhar em conjunto com hotelaria, bares e restaurantes organizando um plano de ação muito claro nessa direção".