[Vídeo] Repórter do SBT discute com agressor durante reportagem ao vivo

Maycon Leão, repórter da TV Serra Dourada, afiliada do SBT em Goiás, e seu cinegrafista foram agredidos durante o link ao vivo. Os profissionais noticiavam um protesto de empresários na rodovia BR 153 em Goiânia. Os manifestantes pediam a abertura do comércio ao poder público, que fechou estabelecimentos considerados não essenciais por conta da pandemia. 

Enquanto realizava seu trabalho, Maycon foi agredido por um manifestante que trajava uma camiseta da seleção brasileira. O repórter, indignado, questionou o motivo da violência e, mesmo sob ameaças, recusou-se a sair da via pública.

"Não justifica o senhor me agredir. O senhor sair de onde o senhor estava pra vir me bater. O senhor agrediu meu câmera. O senhor derrubou a câmera, colocou a mão no meu celular. Estamos levando a informação para a população. É um serviço essencial. Porque o senhor está indo pra cima dele? Dá licença do meu câmera? Não quero conversar com o senhor. Não vou sair da rodovia. Produção, pede pra polícia vir aqui", disse Maycon, ao vivo.