Diante de colapso na saúde, igreja no interior do Paraná faz culto drive-in de oração

Enquanto as atividades religiosas recebem um reconhecimento cada vez maior de sua importância à vida das pessoas, igrejas vão cumprindo o seu papel como casa de Deus, onde os aflitos encontram refrigério. Este foi o caso da Assembleia de Deus de Toledo, no Paraná. 

Diante do medo que assola a população por conta do colapso no sistema de saúde do Estado provocado pela pandemia do coronavírus, a igreja decidiu promover no último domingo (28) um culto drive-in de oração. O movimento religioso aconteceu no Parque do Povo Luiz Cláudio Hoffmann.

Diversos fiéis estacionaram seus carros no parque para acompanhar o “Clamor por Toledo”.

De acordo com o presidente da Igreja Assembleia de Deus de Toledo, Vicente Mariano, o culto enfatizou o clamor pela saúde da população de Toledo e em prol dos profissionais que atuam no enfrentamento à Covid-19.

“Sentimos de Deus, como pastor e servo de Deus, que deveríamos fazer um clamor pela nossa cidade. E nesse evento nós oramos por Toledo, oramos pelo Paraná, oramos pelo Brasil. O objetivo foi pedir a Deus uma intervenção divina nos hospitais, nas casas e na saúde das pessoas”.

O pastor disse que há expectativa de uma próxima reunião ainda maior, sem aglomerações, novamente no sistema drive-in.

Vicente Mariano enfatiza que todas as atividades religiosas nos 25 templos da Assembleia de Deus, em Toledo, foram suspensas atendendo ao decreto estadual com validade até o dia 8 de março e, que espera auxiliar no combate à Covid-19.