Homem é preso nos EUA após forjar o próprio sequestro para não trabalhar

A insatisfação com o trabalho, por vezes, pode ir longe demais. Foi o que aconteceu no estado do Arizona, nos Estados Unidos, onde um jovem forjou o próprio sequestro para não ter que trabalhar.

Brandon Soules, de 19 anos, foi encontrado pela polícia da cidade de Coolidge perto da torre de um reservatório de água, com as mãos amarradas por um cinto em suas costas e com uma banana na boca.

Aos agentes, o jovem contou que dois homens mascarados o sequestraram, atingiram sua cabeça e o deixaram inconsciente. Depois disso, os supostos criminosos teriam dirigido um carro com ele dentro antes de libertá-lo no local. O motivo seria uma quantidade de dinheiro que o pai do jovem supostamente teria escondido na cidade.

No entanto, ao conduzir uma investigação sobre o caso, os detetives de Coolidge não encontraram nenhuma evidência de que o sequestro tenha realmente ocorrido. Os agentes analisaram, inclusive, uma série de imagens de câmeras de segurança, que não mostraram nenhum sinal de sequestro ou ataque na região. O dinheiro também não foi localizado.

Confrontado, Brandon admitiu que inventou a história do sequestro para fugir do trabalho. O jovem, então, foi preso sob acusação de falsa denúncia de sequestro.