Brasil ganha ouro inédito na patinação artística Pela primeira vez, a patinação artística feminina brasileira ganhou uma medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru.

A autora da façanha foi a patinadora Bruna Wurts, de 18 anos, que somou 103,17 pontos na apresentação neste sábado (27), superando a argentina Giselle Soler, prata devido a uma queda durante a coreografia. O bronze ficou com a equatoriana Eduarda Fuentes.

Já o patinador Gustavo Casado não teve a mesma sorte mas, após ter os patins quebrados nas competições de sexta. No entanto, neste sábado , ao totalizar 128,09 pontos na Arena Poliesportiva de Videna, em Lima, Casado conquistou a medalha de bronze, ficando atrás do argentino Juan Sanches (152,63 pontos) e do norte-americano John Burchfield (133,17 pontos).

Até o momento, a delegação brasileira já conquistou duas medalhas de ouro, duas de prata e uma de bronze. Com isso, ocupa a terceira colocação no quadro geral, atrás dos Estados Unidos (3 ouros, 4 pratas e 1 bronze) e do México (3 ouros, 2 pratas e 6 bronzes).

A delegação brasileira no Pan-Americano é composta por 485 atletas, em 49 modalidades. São 249 homens e 236 mulheres.