Missionária conhecida como

Uma grande corrente de orações tem sido formada em favor da recuperação da missionária Silvia Regina, que atua no estado do Espírito Santo pela Junta de Missões Nacionais (JMN). Segundo a agência missionária, Silvia apresentou sintomas da Covid-19 e foi levada ao hospital na manhã de sábado (13). O resultado do teste para identificar o Coronavírus ainda não havia saído até este domingo, mas o exame de tomografia identificou 25% dos pulmões de Silvia comprometidos.



“Apesar disso, ela está bem e consciente, sendo acompanhada pela missionária Fabíola Molulo. Convocamos o povo de Deus a unir-se a nós em intercessão pela vida da sua missionária”, diz um comunicado nas redes sociais de Missões Nacionais.

A mulher que antes era conhecida como a “Bruxa da Cracolândia”, em dezembro, celebrou sua graduação em Missões pelo Centro Integrado de Educação e Missões (CIEM), no Rio de Janeiro.

O passado de Silvia Regina foi marcado por crimes. Ela passou anos presa e viveu durante 14 anos na Cracolândia, no centro de São Paulo, aprisionada pelas drogas. Mas, aos 63 anos, Deus escreveu um novo capítulo em sua história. Silvia é missionária no Espírito Santo, onde pretende levar o Evangelho aos perdidos, assim como um dia missionários da JMN levaram a Palavra da Salvação a ela.