Falso alvará de soltura dá liberdade a um dos maiores traficantes de armas do mundo

Um falso alvará de soltura deu liberdade a um dos maiores traficantes de armas do mundo. João Filipe Barbieri deixou pela porta da frente a penitenciária de Bangu, na Zona Oeste do Rio, em novembro de 2020.

João estava preso desde 2017, quando foi condenado a 27 anos de prisão por associação para o tráfico e tráfico internacional de armas. Ele é enteado de Frederick Barbieri, considerado o “Senhor das Armas”. Frederick está preso nos Estados Unidos, acusado de ser um dos principais integrantes de uma quadrilha que enviou milhares de fuzis para o Brasil em uma carga de aquecedores de piscina.

A notícia da saída só chegou à Justiça Federal no mês passado, quando a denúncia foi feita ao desembargador Marcelo Granado. O desembargador pediu explicações à Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), que confirmou a libertação de João no dia 18 de novembro de 2020, após alvará concedido pela 8ª Vara Federal Criminal.

Nesta terça-feira (09), no entanto, a Justiça Federal informou que não concedeu nenhuma decisão de libertação de João Barbieri e que o alvará de soltura é falso. O desembargador Marcelo Granado ordenou o cumprimento imediato da prisão do traficante e afirmou que vai cobrar explicações do Ministério Público e da Seap.

A Seap informou que está apurando o caso.