Janeiro marca queda de internações por Covid no Rio; resultado ainda não reflete vacinas

O estado do Rio de Janeiro registrou queda de internações por Covid-19 no mês de janeiro. Os resultados foram observados tanto na rede particular quanto na rede pública de saúde.

De acordo com o diretor da Associação de Hospitais do Estado do Rio de Janeiro (AHERJ), Graccho Alvim, a ocupação dos leitos particulares de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para combate à doença está abaixo de 80%, menor taxa desde outubro do ano passado. A rede privada também registrou redução de 20% no número de internações pelo coronavírus em janeiro.

Segundo Graccho Alvim, ainda não se sabe ao certo o que levou a essa queda, mas a redução das internações ainda não deve ser um resultado da vacinação, que teve início já na segunda metade do mês passado:

“O motivo ainda não está totalmente claro, mas houve de fato uma redução nas internações. E os casos da doença que estão chegando aos hospitais estão mais brandos nos últimos meses. As vacinas começaram a ser aplicadas, mas não são as responsáveis pela redução das internações ainda. Não teve tempo e nem número de aplicação de imunizantes suficientes ainda.” – explicou o diretor da AHERJ.

Na rede pública, a tendência tem sido a mesma. Os números da Secretaria Estadual de Saúde do Rio apontam uma queda de 63% nas internações por Covid em janeiro, comparado ao mês de dezembro.  A taxa de ocupação de leitos de UTI no estdao está em 58,7%.