Usuários condenam Flordelis por promover “Santa Ceia” em aniversário

A deputada federal Flordelis anunciou na última terça-feira (04), em suas redes sociais, que vai realizar um “culto de gratidão a Deus” por sua vida. A parlamentar, que completa 60 anos nesta sexta (05), é acusada de mandar matar o próprio marido, o pastor Anderson do Carmo.

Na publicação, Flordelis diz “contar com a presença” dos seguidores no evento 'Haverá Santa Ceia', no Ministério Cidade do Fogo, em São Gonçalo, no próximo domingo (07). “Confesso que não tenho motivos para fazer uma festa, mas tenho muitos motivos para prestar um culto ao Senhor” – diz Flordelis.

A parlamentar voltou aos trabalhos no Congresso Nacional nesta semana, utilizando uma tornozeleira eletrônica. Ela é acusada pelo Ministério Público de ser a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, em 2019. O julgamento está em curso.

Nas respostas da publicação, usuários se disseram decepcionados com Flordelis:

“Admirava demais essa mulher. Ouvia sua pregação de todo meu coração. Hoje meu coração se quebra toda vez que ela aparece na mídia. Que Deus tenha misericórdia de sua alma” – diz um comentário.

“Todo mundo já sabe que você nem acredita em Deus. Quem acredita em Deus tem temor, respeito. Você ficar insistindo nessa imagem de serva de Deus só nos faz ter mais certeza que você só usa o nome Dele pra ganhar dinheiro” – disse um outro usuário.