Governo do Rio passará a divulgar lista de vacinados contra a Covid-19 O governo do Rio de Janeiro vai passar a divulgar os nomes de quem já foi vacinado contra a Covid-19 nos municípios fluminenses. O objetivo da medida é evitar possíveis casos de “fura-fila” durante o processo de imunização.   

Um encontro do secretário estadual de Saúde, Carlos Alberto Chaves, com representante do Ministério Público (MP-RJ), amanhã (4), vai definir como essa divulgação será feita. A ideia é que o governo publique diariamente em seu site a relação nominal dos imunizados. 

O MP-RJ já registrou, até a manhã desta quarta-feira (3), 241 denúncias de supostas irregularidades na prioridade da vacinação contra o coronavírus. Até o momento, 19 procedimentos administrativos, três inquéritos civis e um procedimento investigatório criminal foram instaurados.

Um pedido semelhante havia sido feito à prefeitura do Rio, mas o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) rejeitou, na terça-feira (26). O MP-RJ queria que a administração municipal também divulgasse a lista de pessoas vacinadas contra a Covid-19 diariamente na cidade.

A decisão apontou que a solicitação do MP-RJ foi negada porque não comprovou a existência de fraude na aplicação dos imunizantes. Além disso, a Justiça entendeu que a medida criaria um custo extra para a prefeitura, gerando duplicidade de informação, uma vez que o SUS é portador da lista de vacinados em todo o país.