Eduardo Paes diz que não haverá carnaval no Rio em 2021

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, foi as suas redes sociais nesta quinta-feira (21) para confirmar que não haverá carnaval na cidade em 2021. O entendimento contraria uma lei aprovada e sancionada pelo governo estadual que havia criado um carnaval fora de época em julho deste ano.

Os desfiles das escolas de samba na Sapucaí e dos blocos de rua marcados inicialmente para fevereiro já haviam sido suspensos devido a pandemia da Covid-19, mas algumas instituições responsáveis buscavam viabilizar o “carnaval fora de época” para julho. No entanto, em publicação em sua conta no Twitter, Eduardo Paes anunciou que isso não vai acontecer:

“Nunca escondi minha paixão pelo carnaval e a visão clara que tenho da importância econômica dessa manifestação cultural para nossa cidade.  No entanto, me parece sem qualquer sentido imaginar a essa altura que teremos condições de realizar o carnaval em julho.

Essa celebração exige uma grande preparação por parte dos órgãos públicos e das agremiações e instituições ligadas ao samba.  Algo impossível de se fazer nesse momento.  Dessa forma, gostaria de informar que não teremos carnaval no meio do ano em 2021.

Certamente em 2022 poderemos (todos devidamente vacinados) celebrar a vida e nossa cultura com toda a intensidade que merecemos.”

Associação de Blocos concorda

A Associação de Blocos de Rua do Rio (Sebastiana) divulgou nota em que corrobora a decisão do prefeito do Rio, afirmando que “o mais importante nesse momento é o cuidado com as pessoas, o controle da pandemia e o respeito à vida e ao luto das famílias”. Além disso, a nota pede que se iniciem “conversas com as secretarias de cultura tanto da prefeitura quanto do estado para que sejam criados editais de emergências de ajuda aos trabalhadores do carnaval”.