Fenômeno: Saara tem registro de neve

Imagens feitas no deserto do Saara, no norte da África, registraram um fenômeno raro: gelo e neve no local. O fenômeno foi visto em meio às dunas de areia do deserto, na região localizada na Argélia.

As fotos da queda de neve no Saara foram tiradas pelo fotógrafo Karim Bouchetata. O fotógrafo amador é o mesmo que viralizou em 2016 ao capturar a nevasca no deserto mais quente do mundo pela primeira vez em 37 anos.

Em janeiro as temperaturas no Saara chegaram a -3°C. Apesar de o mês ser tradicionalmente o mais frio no deserto, o registro de neve é raro. A última vez que isso aconteceu foi há 40 anos.

Já no verão, os termômetros podem se aproximar dos 50°C no Saara, considerado o maior deserto quente do mundo.

Conheça algumas curiosidades do Saara:

•    A fauna do Saara possui poucos animais, destacam-se principalmente os camelos, dromedários, antílopes, cabras, entre outros. 

•    O Deserto do Saara já possuiu uma grande vegetação, pois abrigava uma floresta tropical. 

•    O Saara já chegou a abrigar um dos maiores lagos do mundo. Contudo, por causa das alterações climáticas, acabou se transformando em deserto, há cerca de 2,5 milhões de anos. 

•    O Deserto do Saara é maior que o território brasileiro,  que possui cerca de 8 mil quilômetros quadrados.