Flordelis diz que estão explorando sua imagem A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) justificou o porquê de não ter comparecido ao ato em homenagem ao marido e pastor Anderson do Carmo, que ocorreu no último domingo (21), em São Gonçalo/RJ. A pastora e também cantora disse que estão “explorando muito sua imagem e sua dor”.

“Agradeço todo apoio e orações que tenho recebido. Eu creio que a justiça para este crime cruel e covarde que aconteceu com meu marido vai acontecer. Eu só não fui lá pessoalmente, porque estão explorando muito minha imagem e minha dor”, disse em um vídeo publicado no perfil oficial dela nas redes sociais.

Nas imagens, Flordelis pede que continuem com as orações e ressalta que espera das autoridades uma resposta quanto ao assassinato do marido. “Continue orando, porque é a sua oração que está me mantendo de pé. E que o Senhor possa dar entendimento e sabedoria a todos que estão resolvendo esse caso para que a justiça seja feita o mais rápido possível”, acrescentou a pastora.

Na manhã de domingo, três filhos de Flordelis e a mãe de Anderson, Maria Edna Virgínia do Carmo, foram às ruas para cobrar esclarecimentos pela morte de Anderson. O pastor foi assassinado em 16 de junho, dentro da casa da família, em Pendotiba, Niterói. Segundo a polícia, Flávio, filho biológico apenas de Flordelis, confessou o crime.