Papa Francisco e Bento XVI são vacinados contra a Covid-19 no Vaticano

O Vaticano, sede da Igreja Católica, iniciou nesta quarta-feira (13) sua campanha de vacinação contra a Covid-19. Entre os primeiros vacinados estão o Papa Francisco, de 84 anos, e o papa emérito Bento XVI, de 93. Ambos fazem parte do grupo de risco para a doença.

A Santa Sé informou que Francisco recebeu a primeira dose da vacina da Pfizer/BioNTech nesta quarta, enquanto Bento XVI foi vacinado nesta quinta (14). A vacinação está sendo feita de forma voluntária no Vaticano, com prioridade para profissionais de saúde e idosos da cidade-estado.

Em entrevista à uma TV italiana no domingo (10), o Papa Francisco disse que a vacinação “não é opção, é ação ética”. O pontífice também classificou a oposição à vacina como “negacionismo suicida”.

Além de fazer parte do grupo de risco pela idade avançada, o Papa Francisco vive sem parte de um pulmão, retirada ainda na juventude por conta de uma doença respiratória.