Ciclista morre atropelado no mesmo local onde jogador Marcinho atropelou casal de professores

Um ciclista morreu atropelado na madrugada desta segunda-feira (11) na Avenida Lúcio Costa, altura do posto 10, no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio. Cláudio Leite da Silva, de 57 anos, era casado, não tinha filhos e costumava pedalar diariamente. 

A vítima foi socorrida por funcionários de um quiosque, que chamaram os bombeiros. O motorista que teria causado o atropelamento fugiu a pé sem prestar socorro. De acordo com testemunhas, ele estava alcoolizado e dirigia em alta velocidade.

Uma carteira foi encontrada no veículo. Ela pertence a um capitão do Corpo de Bombeiros. Mais tarde, a polícia prendeu João Maurício Correia Passos, que é capitão dos Bombeiros. Ele confirmou ser o motorista do carro modelo Hyundai HB 20 que atingiu o ciclista. O caso está sendo investigado pela delegacia do Recreio.

A Polícia Militar foi acionada para uma perícia no local, onde no dia 30 de dezembro o ex-jogador do Botafogo Marcinho atropelou e matou um casal de professores. Na cena do atropelamento ocorrido hoje foram encontradas garrafas de bebidas e uma Bíblia.



 



*Matéria atualizada para acréscimo de informação sobre prisão de acusado