Prefeitura do Rio cancela festa de réveillon em função da pandemia de Covid-19

A Prefeitura do Rio, por meio da Riotur, informa que o réveillon oficial da cidade do Rio de Janeiro está cancelado em função do atual cenário da pandemia da Covid-19. Embora o Réveillon Rio 2021 tenha sido projetado em um novo formato, sem a presença de público, sem queima de fogos e feito para ser acompanhado pela TV e pelas mídias digitais, diante do aumento do número de casos e recomendações de autoridades em saúde, a Prefeitura optou pelo cancelamento do evento da virada do ano. Uma forma também de respeito a todas as vítimas e em favor da segurança em saúde pública.



“Quando anunciamos o novo modelo para o Réveillon Rio 2021, falamos em responsabilidade social. O nosso discurso permanece. O motivo do cancelamento nada mais é que uma decisão consciente e responsável”, afirmou o presidente da Riotur Fabricio Villa Flor.



“Esta é uma decisão necessária para a proteção de todos. A festa será a da esperança por bons resultados das vacinas para conter a pandemia. Será ainda um momento de reflexão sobre um ano difícil, de luta, com lamentáveis perdas de tantas pessoas. E será também hora de dar graças a Deus pelas vidas salvas”, concluiu o prefeito Marcelo Crivella.



Ocupação dos hotéis 



O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ), Alfredo Lopes, disse que o cancelamento das festas oficiais de réveillon não terá impacto significativo na hotelaria da cidade.



O presidente da ABIH-RJ se mostrou confiante a respeito da ocupação dos hotéis que, segundo ele, "continuam sendo uma das opções mais atrativas e seguras para as celebrações das famílias, casais e pequenos grupos."



De acordo com ele, o cancelamento terá pouca influência na atração turística da cidade, já que os shows com público em Copacabana e a queima de fogos já haviam sido descartados.



Na segunda-feira (14) o Sindicato dos Hotéis divulgou que a ocupação para o fim de ano está em quase 60%.



Nesta terça-feira (15), o estado do Rio de Janeiro registrou 147 mortes e 1.457 casos confirmados da Covid-19, segundo balanço divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde.