Postos de São Gonçalo têm filas por testes de Covid-19

Os centros de testagem para Covid-19 de São Gonçalo, na região metropolitana do Rio, estão amanhecendo com filas desde o começo da semana. Segundo o prefeito José Luiz Nanci (Cidadania) a procura aumentou muito desde a semana passada.

O prefeito afirmou também que a cidade deve abrir novos centos de testagem nas próximas semanas, depois de voltar a regras mais rígidas de isolamento desde o último dia 19. São Gonçalo é o terceiro município do Rio com mais casos de Covid-19, atrás apenas da capital e de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Segundo a Secretaria de Saúde, a classificação da cidade passou da bandeira amarela (com baixo risco de contaminação) para a bandeira laranja (risco médio). No último sábado (20), São Gonçalo chegou a ter ocupados todos os leitos de UTI e enfermaria dedicados ao tratamento de Covid.

Estado tem fila de leitos e governador promete testagem em massa

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, anunciou na última terça-feira (24) que o estado realizaria a testagem em massa da população. Porém, até agora não foi divulgado o plano concreto de testagem, nem a data de lançamento.

O Rio tem hoje 85% dos leitos de UTI ocupados, assim como 47% das enfermarias. No total, 229 pacientes com suspeita ou diagnóstico de Covid-19 aguardam transferência para um leito na rede pública do estado, sendo 115 para UTI.

Veja também:

Secretaria de Saúde do Rio abre 83 leitos de UTI para Covid-19 após alta de casos


Siga-nos