Escolas municipais do Rio retomam aulas presenciais nesta terça-feira (17) Com autorização do Comitê Científico da Prefeitura do Rio, a Secretaria Municipal de Educação autorizou a volta às aulas presenciais para alunos do Ensino Fundamental do 9º ano, do último ano do Programa de Educação de Jovens e Adultos e do Carioca 2 (projeto de correção de fluxo) nas escolas públicas municipais cariocas a partir desta terça-feira (17). Serão 61 mil alunos destas turmas, que estudam em 427 unidades escolares e retornarão às aulas presenciais.

Os protocolos de segurança indicados pela Vigilância Sanitária serão cumpridos para garantir a segurança da comunidade escolar. Haverá redimensionamento dos espaços utilizados e disponibilização dos produtos necessários para a higienização pessoal e do ambiente, como máscaras, álcool em gel e sabonete líquido, entre outros itens.

Segundo a Prefeitura, professores, alunos e demais profissionais de Educação que tenham comorbidades não voltarão para as aulas presenciais. Os alunos poderão optar pela aula de forma remota.

– A escola é uma referência muito forte para as famílias, um espaço que vai muito além da missão essencial de ensino e aprendizagem. O vínculo com a escola garante aos alunos e famílias a convivência em um local de práticas propositivas, de relacionamentos positivos, criativos, que estimulam a cidadania. Muitos pais e responsáveis aguardavam com grande expectativa este momento de retorno às aulas presenciais. Lugar de criança é na escola. E a grandeza de nossa rede corresponde às expectativas dos pais, que querem o melhor para seus filhos, estudando em nossas escolas – comenta a secretaria municipal de Educação, Talma Romero Suane.

Máscaras e álcool em gel disponíveis
Estas aulas presenciais, inicialmente, acontecerão em quatro dias da semana – às segundas, terças, quintas e sextas-feiras. As turmas estarão divididas em grupos A e B para evitar aglomerações.

Serão três horas de aulas por dia, nos turnos da manhã e da tarde para o 9º ano. E à noite para o PEJA, como já era anteriormente. Nas quartas-feiras haverá um reforço na higienização das unidades escolares, que já passam por limpezas regularmente nos demais dias. Máscaras e álcool em gel, entre outros itens de proteção, estarão disponíveis para todos.

As aulas presenciais já voltaram em outras redes como a particular e a estadual.

A Secretária enfatiza que os pais decidirão se levarão os filhos às escolas, que estarão abertas para recebê-los. O retorno de outras turmas se dará após uma avaliação desta retomada inicial do 9º ano, PEJA e Carioca 2.

Professores em greve

O Sindicato dos Profissionais da Educação já se manifestou contrário à volta. Na segunda-feira (16), em uma assembleia virtual, a maioria dos profissionais votou por manter a greve.

"Em defesa da saúde e da vida e contra o retorno da atividades presenciais escolares, com a manutenção das atividades apenas de forma remota", diz a categoria.