Aprovação da reforma da Previdência derruba o dólar O dólar recuava ante o real nesta quinta-feira (11), após aprovação do texto principal da reforma da Previdência em primeiro turno na Câmara dos Deputados, tendo como pano de fundo as elevadas expectativas de corte de juros pelo Federal Reserve (Banco Central dos EUA).

Às 10:31, a moeda norte-americana recuava 0,16%, a 3,7523 reais na venda.

Na véspera, o dólar encerrou com queda de 1,30%, a 3,7585 dólares, menor patamar desde fevereiro.

Neste pregão, o dólar futuro tinha queda de cerca de 0,12%.

À tarde, o dólar passou a operar perto da estabilidade. Às 15h06, a moeda norte-americana subia 0,04%, vendida a R$ 3,7577. Na mínima do dia, a cotação chegou a R$ 3,7341 e, na máxima, a R$ 3,7662.