Após instabilidade, YouTube volta a funcionar O YouTube apresentou instabilidade em todo o mundo na noite desta quarta-feira (11). A maior parte dos relatos foi de usuários nos Estados Unidos, mas teve também registros no Brasil, em outros países da América Latina e na parte oeste da Europa. O serviço foi normalizado por volta das 22h40min.

Durante o período de instabilidade, usuários relataram que vídeos e músicas não estavam carregando ou demoravam para tocar; o serviço caiu e não funcionava no desktop, tampouco no app do celular. Alguns usuários também relataram problemas em outros serviços do Google, especialmente ao atualizar apps de Android na Play Store.

No site DownDetector, especializado em registrar falhas de plataformas digitais, as reclamações feitas por usuários começaram pouco antes das 21h e atingiram o pico às 21h26min, totalizando 28.317 relatos de problemas. Às 21h56min, havia 15.347 relatos.

Dos registros, 70% relataram problemas na reprodução de vídeos, 21% em relação ao site e 8% de falha geral. 

“Se você está tendo problemas para ver vídeos no YouTube agora, você não está sozinho”, disse a conta oficial do Twitter às 21h23 (horário de Brasília). “Nosso time já está trabalhando para resolver a situação. Traremos atualizações por aqui.”

A empresa afirmou às 23h13 que a instabilidade foi resolvida “em todos os dispositivos e serviços do YouTube”.