Manifestante derrama sangue em pregador durante evento de oração nos EUA No grande evento de adoração realizado no National Mall em Washington, DC, nos Estados Unidos, no domingo (25), um satanista atacou um dos organizadores com um cálice de sangue, no que pareceu ser um ritual satânico.

O Dr. Charles Karuku, da International Outreach Church, orou pela nossa nação, que, segundo os cristãos locais, tem sido dilacerada por distúrbios raciais e discriminação. Ele pediu que o país possa se unir e "deixar a cura começar!"

Depois disso, ele foi atacado por um manifestante que jogou sangue em cima dele.

"Maluco do diabo", escreveu ele no Facebook. "Vou manter as roupas manchadas de sangue como uma medalha de honra a Jesus! Suplicando o sangue de Jesus. Este movimento é imparável."

Sean Feucht, que lidera o evangelismo "Let Us Worship" (Vamos Adorar), escreveu no Facebook: "Você sabe que está incomodando o inimigo quando um satanista mergulha uma taça de sangue no rosto de um membro sua equipe !!!!"

"Você não pode conter nossa alegria, demônios !! Mais de 35.000 compareceram para declarar o nome de Jesus sobre a capital da nossa nação !! DEUS SEMPRE VENCE !!!!", continuou Feucht.

Esta não é a primeira vez que os manifestantes satânicos têm como alvo os líderes do movimento "Let Us Worship".

Em agosto, Feucht descreveu o que aconteceu em sua pregação em Seattle:

“Tivemos uma seita satânica inteira marchando entre os adoradores o tempo todo gritando 'Salve Satan!' Eles pararam nossos geradores em um ponto ... mas em meio a tudo isso ... SEATTLE NUNCA PAROU DE CANTAR !!! Vimos salvações, curas, milagres e batismos! Foi em outro nível! A IGREJA SE RECUSOU A SER INTIMIDADA E DEUS DERRAMANDO GLÓRIA!"