Nasa desmente profecias sobre o fim do mundo Afirmações infundadas sobre a morte ígnea do mundo foram associadas ao Novo Testamento da Bíblia por um popular evangelista cristão. O pregador e personalidade do mundo digital que vive em Indiana/EUA, Paul Begley, disse a seus seguidores em um vídeo online para se preparar para sinais apocalípticos nos céus e na Terra. O pregador do Juízo Final, que é um proeminente fornecedor de teorias da conspiração do fim dos tempos, vinculou a profecia bíblica à suposta passagem do Planeta X ou Nibiru.

Nibiru é apontado como uma farsa online do Apocalipse, nascida na década de 1990, que reaparece a cada poucos anos.

As pessoas que creem nas existência de Nibiru estão convencidas de que um planeta apocalíptico 10 vezes maior que a Terra passa por nosso planeta a cada 3.600 anos ou mais. Quando isso acontece, diz-se que a pressão gravitacional do Planeta X causa estragos e destruição em nosso mundo natal.

Felizmente, Nibiru não existe e todas as alegações de planetas rebeldes que ameaçam a Terra são farsas, segundo garante o cientista da NASA David Morrison. "Esse planeta não existe. Nunca houve, e presumivelmente, nunca haverá, mas continua aparecendo continuamente."

Mesmo assim, o pastor Begley é um dos muitos pregadores do fim do mundo que acreditam que Nibiru é real e logo se revelará ao mundo.

O pastor Begley é o apresentador de “The Coming Apocalypse”, um programa semanal que liga eventos modernos a passagens da Bíblia.

Ele também dirige um canal popular no YouTube, onde mais de 337 mil pessoas seguem suas frequentes previsões e alertas de profecia.

Em um de seus vídeos mais recentes, o pregador disse: "Sempre que você tem um evento do Sol, você tem um evento da Terra. Sempre que há um evento espacial, ele afeta a Terra ou até mesmo o sol. E agora estamos lidando com o vindouro Planeta X, Nibiru, planeta número nove, Artemísia, a estrela anã, o Goblin. Chame do que quiser, um sistema binário que, de acordo com Mike do “Around the World”, é claro, vem se aproximando de nós há sete anos, ficando cada vez mais perto de nós. Em breve as pessoas ficarão completamente assustadas com os eventos que vão atingir a Terra. Agora, uma coisa é certa. A Bíblia diz que haverá grandes sinais e terríveis visões nos céus, ok?"

O pregador então leu o livro do Gênesis e disse que alguns desses sinais apocalípticos já estavam acontecendo.

Mas não existe Planeta X e o mundo não está prestes a acabar tão cedo.

A NASA disse: "O planeta em questão, Nibiru, não existe. Nibiru e outras histórias sobre planetas rebeldes são uma farsa da Internet. Não há base factual para essas afirmações. Se Nibiru ou o Planeta X fossem reais e se dirigissem a um encontro com a Terra, os astrônomos estariam rastreando-o pelo menos na última década, e já estaria visível a olho nu.”