Publicidade

Saiba como proteger seus olhos durante a pandemia de Covid-19 Estudo realizado pela Unifesp indica que a COVID-19 pode produzir danos à retina. E, segundo a Academia Americana de Oftalmologia, a infecção pelo Sars-CoV2 causa conjuntivite em 1 a 3% dos pacientes. Este mês também marca a campanha nacional de prevenção do ceratocone, doença que pode causar perda de visão e está associada ao hábito de coçar os olhos, comportamento comum em pessoas com rinite alérgica.

"Os olhos são uma das principais portas de entrada do novo coronavírus e sua transmissão pode ocorrer através do contato com a lágrima de uma pessoa infectada. Com a quarentena, aumentaram também as queixas de cansaço ocular, olho seco e miopia em crianças, devido ao excesso de uso de telas", alerta o oftalmologista Bruno Fontes, presidente da Associação Brasileira de Catarata e Cirurgia Refrativa e diretor das clínicas Lúmmen Oftalmologia.

Portanto, os cuidados com a saúde ocular devem ser mantidos durante a pandemia da COVID-19. E agora ficou mais fácil com a reabertura de clínicas de oftalmologia, que retomaram suas rotinas seguindo protocolos rígidos, elaborados pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) para atendimento com total segurança dos pacientes e o trabalho dos médicos.

Segundo o oftalmologista, entre as medidas, estão aferição de temperatura de todos os pacientes, espaçamento maior entre as consultas, menor ocupação nas salas de espera, limpeza e desinfecção de todo o ambiente e dos equipamentos, no intervalo entre consultas. Cirurgias oculares, como a de catarata (o pacificação do cristalino), estão sendo realizadas, por enquanto, em casos graves.

Evitar levar as mãos aos olhos protege contra infecção da COVID-19 e usuários de lentes de contato e óculos precisam redobrar a preocupação com a higienização das mãos e dos estojos.

O Brasil tem hoje 1,2 milhão de cegos e mais de 6 milhões com alguma deficiência visual. Porém em 80% dos casos a doença ocular poderia ter sido evitada com o diagnóstico e o tratamento precoces.