Movimento missionário internacional chega ao Brasil em 2020

Nascido em 2016, em Los Angeles, nos Estados Unidos, o movimento missionário The Send chega ao Brasil em 2020. O evento já tem data e local definidos: 8 de fevereiro no Estádio do Morumbi, em São Paulo/SP. Cerca de 80 mil pessoas são esperadas na busca pelo avivamento espiritual prometido pelo The Send. O evento deve reunir missionários internacionais e líderes de diferentes “organizações” evangélicas de várias igrejas. Ele já passou por grandes estádios de outros países com palestras, pregações, músicas e orações. A missão é incentivar os crentes a levarem a palavra de Deus para não evangélicos. Aqui no Brasil, ele durará 12 horas, das 10h às 22h e tem ingressos de R$ 29 a R$ 49. A ideia do The Send foi plantada em 2016. No estádio Los Angeles Memorial Coliseum, durante o encontro Azusa Now, o pregador fez um chamado para os presentes: “Tirem seus sapatos e levantem para o céu se estiverem dispostos a ir a qualquer lugar do mundo por Jesus”. Foram 70 mil pares de sapato no ar. A partir dali, diferentes organizações de missões decidiram se juntar com o objetivo de “fazer o que fosse necessário para ver a reevangelização da América e o cumprimento da Grande Comissão”, de acordo com a descrição do movimento. Com o plano de expansão para a América Latina, o Brasil foi escolhido como a próxima sede. A organização parceira mais conhecida é o Movimento Dunamis, que reúne jovens de várias denominações e atua principalmente em universidades. Com pequenos grupos, eles se encontram nos intervalos e compartilham experiências, cantam e oram juntos. O Dunamis tem muita força no Brasil, principalmente em grandes universidades, e prega uma "energia sobrenatural para estabelecer a cultura do reino de Deus na Terra".