Youtuber PC Siqueira apaga canal após ser acusado de pedofilia O mundo vive a era dos influenciadores digitais. É uma tempestade de conteúdos que jogam em cima do público e principalmente das crianças. Por isso é preciso muito cuidado com o que os filhos acessam no Youtube, no Instagram, no Twitter e no Facebook.

Um destes famosos que fazem sucesso noYoutube é PC Siqueira. Ele tinha milhares de seguidores, mas ontem (17) seu canal simplesmente sumiu e seu Instagram também não é mais público. A mudança aconteceu cinco dias após PC Siqueira ser denunciado por pedofilia.

Um perfil no Twitter divulgou um vídeo em que o youtuber compartilha imagens de uma criança de 6 anos sem roupas. O caso está sendo investigado pela quarta Delegacia de Proteção à Pessoa, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa de São Paulo.

Após o vazamento do vídeo com a conversa, o youtuber publicou um longo texto nas redes sociais citando "articulação criminosa" para tentar acusá-lo de "algo terrível, que jamais cometi ou cometeria".

Outros perfis no Twitter pedem que um outro youtuber, ainda mais famoso, o Felipe Neto, também seja investigado. Esses perfis atuam como “polícias da internet” e divulgaram uma série de vídeos em que Felipe Neto aparece com crianças em conteúdos de contexto sexual.