Nova vacina contra coronavírus é testada em humanos  A empresa norte-americana Novavax anunciou que começou o primeiro teste em humanos de sua vacina experimental contra o novo coronavírus, o que a coloca entre as dez vacinas contra covid-19 em teste em pessoas no mundo.

A empresa planeja inscrever 130 pessoas saudáveis com idade entre 18 e 59 anos em duas cidades na Austrália para seu estudo.

A expectativa é que resultados iniciais do teste saiam em julho. Se eles forem promissões, a Novavax planeja uma segunda fase de estudo, a ser conduzida em alguns países e com participantes de uma faixa etária mais ampla.

Em testes pré-clínicos, a vacina da Novavax demonstrou alto nível de imunidade à doença e de anticorpos neutralizadores. Esses resultados, diz o laboratório, são evidências de que esta candidata a antídoto terá grande eficácia em humanos ajudando a controlar o avanço do novo coronavírus.

A Novavax, com sede em Maryland, nos EUA, é uma das várias empresas de biotecnologia que estão na corrida para desenvolver uma vacina contra o SARS-CoV-2, o vírus que causa a Covid-19. Duas outras empresas, Moderna e BioNTech (em parceria com a Pfizer), já iniciaram testes clínicos desses produtos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou na sexta-feira (22) que dez vacinas experimentais estão sendo testadas em humanos, incluindo a da Novavax.